Autor Tópico: Bolsa para mestrados - “FREEROCK - Evolução da Fracturação e Interacção S..."  (Lida 1347 vezes)

Offline Pedro Correia

  • Licenciado/Mestre
  • *
  • Mensagens: 352


link: http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx?task=global&jobId=28449&lang=pt

Citar
Resumo do anúncio:

Na Fundação da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação no âmbito do projecto, “FREEROCK - Evolução da Fracturação e Interacção Sólido-Fluído em Rochas Ígneas de Edifícios Vulcânicos do Oceano Atlântico” ref. PTDC/CTE-GIX/100687/2008 financiado por fundos nacionais através da FCT/MCTES (PIDDAC) no âmbito do programa em todos os Domínios Científicos, nas seguintes condições:

2. Requisitos de Admissão
Grau de Mestre nos ramos da Área Científica, em Física, Geofísica, Geologia, Eng. Mecânica e afins. Serão consideradas as seguintes condições preferenciais de selecção:

a) Demonstração de habilitações e/ou experiência na área da mecânica de rochas, dos processos de fracturação, nomeadamente conhecimento dos fundamentos e prática experimental no contexto destas áreas;
b) Demonstração de habilitações e/ou experiência no processamento de séries temporais e sinais sísmicos;
c) Demonstração de experiência ou capacidade para desenvolver trabalho em laboratório, incluindo capacidade para apoiar a concepção, instalação, montagem e calibração de sistemas mecânicos e electrónicos simples;
d) Conhecimento e à vontade na comunicação científica na lingua inglesa (escrita e oral) e capacidade para a escrita de relatórios técnicos e de descrição de resultados científicos.
e) Disponibilidade para um estágio com duração prevista de 8 semanas na École Normale Supérieure de Paris para desenvolvimento de trabalho experimental.


Texto do anúncio

Na Fundação da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação no âmbito do projecto, “FREEROCK - Evolução da Fracturação e Interacção Sólido-Fluído em Rochas Ígneas de Edifícios Vulcânicos do Oceano Atlântico” ref. PTDC/CTE-GIX/100687/2008 financiado por fundos nacionais através da FCT/MCTES (PIDDAC) no âmbito do programa em todos os Domínios Científicos, nas seguintes condições:

1. Área Científica
Ciências da Terra e do Espaço

2. Requisitos de Admissão
Grau de Mestre nos ramos da Área Científica, em Física, Geofísica, Geologia, Eng. Mecânica e afins. Serão consideradas as seguintes condições preferenciais de selecção:

a) Demonstração de habilitações e/ou experiência na área da mecânica de rochas, dos processos de fracturação, nomeadamente conhecimento dos fundamentos e prática experimental no contexto destas áreas;
b) Demonstração de habilitações e/ou experiência no processamento de séries temporais e sinais sísmicos;
c) Demonstração de experiência ou capacidade para desenvolver trabalho em laboratório, incluindo capacidade para apoiar a concepção, instalação, montagem e calibração de sistemas mecânicos e electrónicos simples;
d) Conhecimento e à vontade na comunicação científica na lingua inglesa (escrita e oral) e capacidade para a escrita de relatórios técnicos e de descrição de resultados científicos.
e) Disponibilidade para um estágio com duração prevista de 8 semanas na École Normale Supérieure de Paris para desenvolvimento de trabalho experimental.

3. Plano de Trabalho
Esta actividade, centra-se numa componente experimental, no âmbito da microsismologia e da física do mecanismo da fracturação de rochas que constituem o Vulcão do Fogo, na ilha de S. Miguel.
O trabalho será desenvolvido utilizando um sistema pioneiro em Portugal, instalado no Laboratório de Monitorização MicroSísmica do ISEL. Este sistema é constituído por uma prensa uniaxial computorizada e um sistema de aquisição de 8 canais, na frequência dos ultrasons e permite, através da monitorização das Emissões Acústicas caracterizar a evolução do processo de ruptura de uma rocha à escala do laboratório. A assinatura acústica, é constituída pela variação temporal da taxa de emissão e energia dos ultrasons emitidos e está associada às diferentes fases de comportamento elástico da rocha. Esta “assinatura” definida pelas EA’s é ainda característica da litologia, textura e reologia de cada rocha, e é muito diferenciada, em particular nas fases premonitórias da fractura.
A análise do papel dos fluidos na modificação da evolução do processo de fracturação será estudada através de um equipamento triaxial com controlo da temperatura e de circulação de fluído (água ou CO2 em estado crítico) no decorrer de um estágio a realizar na École Normale Supérieure, em Paris.

Os resultados obtidos irão permitir uma caracterização do modelo de fracturação das principais litologias que constituem o vulcão do Fogo, nos Açores. Em particular o seu comportamento em função da história das solicitações mecânicas e térmicas e uma abordagem ao problema da interacção sólido fluido no decorrer da fracturação

4. Legislação e Regulamentação Aplicável
Lei nº40/2004 de 18 de Agosto (Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica); Regulamento da Formação Avançada e Qualificação de Recursos Humanos 2010.

5. Local de Trabalho
Laboratório de Monitorização MicroSísmica do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, sob a orientação do Professor Mário Moreira

6. Duração da bolsa
A bolsa terá a duração de 3 meses, com início previsto em Abril de 2012. O contrato da bolsa poderá ser renovado por mais 9 meses.

7. Valor do subsídio de manutenção mensal.
O montante da bolsa corresponde a 980.00 euros, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas directamente pela FCT, I.P. no País
(http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores)
para bolsas atribuídas em projectos financiados pela FCT.
Os Bolseiros usufruirão de um seguro de acidentes pessoais e, caso não se encontrem abrangidos por qualquer regime de protecção social, podem assegurar o exercício do direito a segurança social mediante adesão ao regime do seguro social voluntário, nos termos previstos no Decreto-Lei nº 40/89, de 1 de Fevereiro. O valor da bolsa será pago mensalmente por transferência bancária.

8. Métodos de Selecção.
Os métodos de selecção a utilizar serão os seguintes: (1) Área de Mestrado e sua adequação (35%); (2) Experiência e adequação do CV ao plano de trabalhos (35%); (3) Entrevista (30%)

9. Composição do Júri de Selecção
Presidente: Mário Moreira, Professor Adjunto do Instituto Superior de Engenhariade Lisboa, Vogal: Fernando da Fonseca Marques, Professor Auxiliar do Departamento de Geologia da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e Vogal: Graça Silveira, Professora Adjunto do Instituto Superior de Engenhariade Lisboa.

10. Forma de publicitação/ notificação dos resultados
Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada, por nota final obtida, afixada em local visível e público no átrio da Fundação da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, sito na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, Edifício C1 – 3º Piso, Campo Grande, 1749-016 Lisboa, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

11. Prazo de candidatura.
O concurso encontra-se aberto no período de 2 de Março a 20 de Março de 2012.

12. Forma de apresentação das candidaturas
As candidaturas podem ser formalizadas através de correio electrónico para

mmoreira@adf.isel.pt

acompanhadas de:
1) curriculum Vitae, 2) certificado de habilitações, 3) outros documentos comprovativos considerados relevantes.

As candidaturas podem ainda ser enviadas por correio para:

Prof. Dr. Mário Moreira
Área Departamental de Física
Instituto Superior de Engenharia de Lisboa
Rua Conselheiro Emídio Navarro,1
1959-007 Lisboa

 


© 2009-2010 numist - núcleo de minas do instituto superior técnico
Follow numistpt on Twitter

SimplePortal 2.3.3 © 2008-2010, SimplePortal